Imagens Gratuitas para Blog [GUIA COMPLETO]

VEJA SUAS IMAGENS COMO UMA FERRAMENTA DE TRABALHO

Todo Blogueiro tem que ter em mente que essa ferramenta “as imagens” requerem um visual que agrade aos seus leitores, sendo assim, inserir imagens em cada texto postado é de extrema importância para chamar a atenção do leitor para o conteúdo postado.

Compreenda que um post sem imagens, é um post pobre, dado que as imagens transmitem a mensagem do texto, logo, o leitor sente-se conectado desde o início com o artigo.

No entanto, as imagens utilizadas devem estar disponíveis para o uso comercial, principalmente, para evitar um processo judicial. Por conseguinte, é necessário saber qual é a foto ideal para o artigo em questão.

Por exemplo, as fotos escolhidas para o texto devem estar nítidas, com foco e na dimensão correta, caso contrário, não será o ideal para o artigo. Pois, o certo é dar vida ao texto e imagens fora do foco acabam poluindo o post.

As imagens devem fazer com que os leitores retornem ao seu blog, portanto, é importante saber qual a largura exata e utilizar essa mesma largura em todas as fotos publicadas para não tirar a harmonia do texto.

Na hora de inserir uma imagem no texto, é essencial saber exatamente o local que aquela imagem se enquadra melhor. As fotos nunca devem estar cada uma para um lado diferente, mas sempre alinhadas na mesma direção, por exemplo, todas para a direita, todas para a esquerda ou todas no meio (geralmente).

Sabendo-se disso, a seguir, abordaremos quais imagens podem ser usadas no blog, em seguida, dicas serão dadas de como baixar imagens, como evitar processos judiciais e como saber se a imagem é livre.

QUAIS IMAGENS PODEM SER USADAS NO BLOG

Todo blogueiro tem a obrigação de saber que não é permitido pegar, por exemplo, qualquer foto no google para colocar em seu texto, uma vez que corre o risco de ser processado judicialmente pelos direitos autorais da pessoa que tirou a foto.

Sabemos que a imagem possui uma grande responsabilidade em relação a didática do texto, pois, além de dar estética ao artigo, atraem os leitores. Sendo assim, nem sempre é fácil saber qual imagem usar no blog, porém, existem bancos de imagens gratuitos que disponibilizam fotografias e ilustrações.

Difícil mesmo é achar fotos que não possuam os seus direitos reservados, desta maneira, existem algumas possibilidades como recorrer a:

  • Bancos de imagens
  • Empregar fotos com direitos cedidos
  • Tirar as próprias fotos.

Essas três alternativas permitem que as imagens sejam usadas no blog, sendo que algumas fotos são protegidas pela licença Crative Commons, responsável por outorgar ferramentas legais aos donos para preservar e compartilhar suas obras.

Compreenda que a partir da organização Creative Commons, as imagens só podem ser compartilhadas e aproveitadas em conformidade com os limites estabelecidos pelo autor da foto.

Normalmente, as fotos disponibilizadas por seus autores, requer em cada imagem os créditos da captura, ou seja, o nome do autor exibido. Posto isto, muitas imagens gratuitas estão protegidas pelo Creative Commons, portanto, é preciso prestar atenção para baixar a imagem de acordo com as regras impostas.

COMO USAR AS IMAGENS

Para usar qualquer imagem em seu blog, é de extrema importância encontrar a licença da imagem desejada, para saber se é permitido usar ou não aquela foto em seu texto. Desta maneira, a licença poderá ser encontrada em um widget de coluna lateral, no rodapé do local ou na página.

Sendo assim, é fundamental falarmos mais uma vez do Creative Commons, que é a licença mais comum encontrada nas imagens. Além disso, todos os direitos da imagem podem estar reservados, logo será copyright.

Entenda que o copyright, não permite que nenhuma imagem seja copiada sem a permissão do autor, no entanto, é possível pedir uma autorização por escrito e aguardar uma resposta.

Já a licença Creative Commons, basta conferir as restrições especificadas pelo autor. Portanto, respeitar os direitos autorais de cada imagem é essencial para evitar chateações futuras, pois, é crucial saber dar os créditos da foto de maneira correta.

COMO SABER SE A IMAGEM É LIVRE

Bom, acho que já deu para entender melhor como saber se uma imagem é livre, dado que já abordamos sobre o Creative Commons, no entanto, ao clicar em algumas imagens, lá estarão as suas restrições. Por exemplo:

Você é livre:

  • Para copiar, distribuir e utilizar em seu texto, ou seja, para compartilhar a imagem.
  • Para adaptar ao texto, ou seja, para alterar.

Restrições para usar a imagem:

  • É necessário atribuir a imagem conforme é especificado pelo autor ou responsável pela licença.

Posto isto, fica claro que para não infligir a lei, deve-se observar os limites de cada imagem. Os bancos de imagens são uma ótima opção para buscar fotografias e ilustrações de toda classe, posto que são ordenadas por categorias e a maioria possui licença Creative Commons.

Tenha em mente que nem tudo que está na internet, pertence a todos, logo, não deixe de utilizar bancos de imagens que contenham fotos livres de direitos autorais e que podem ser usadas sem dúvidas.

Lembre-se que nem toda imagem que está livre de direito autoral, significa que é gratuita, dado que refere-se ao uso permitido da imagem sem cobranças mensais. Alguns bancos de imagens estão focados apenas nos créditos que o autor terá daquela imagem compartilhada.

COMO EVITAR PROCESSO JUDICIAL 

Antes de abordarmos como evitar um processo por direitos autorais, é importante colocar em questão a diferença de “direito de imagem” e “direitos autorais, dado que muitas pessoas confundem esses termos.

Sendo assim, direito de imagem está ligado a pessoa, ou seja, os direitos estão relacionados especificamente ao indivíduo. Já o direito autoral, está vinculado ao autor e a sua obra.

Portanto, para evitar processos judicias, basta não usar imagens que não sejam suas em textos sem ter o direito para isto. Entenda que um processo judicial poderá ocorrer caso o dono daquela imagem descubra que estão usando a sua imagem sem permissão.

Não é incomum encontrar sites que estejam usando imagens tiradas do Google Images para ilustrar o seu artigo, logo, isso também é comum na área de design gráfico e na publicidade.

Desta maneira, imagens que são de livre direito autoral, são chamadas de royalty free, ou seja, são imagens que o próprio autor disponibilizou para o uso livre. Caso a imagem não esteja autorizada pelo autor, poderá acarretar uma ação judicial, posto isto, vale ressaltar que o banco de imagens está aí para facilitar a vida de muitos blogueiros.

DICAS DE BANCOS DE IMAGENS

Nunca é demais ter mais de um banco de imagens para encontrar fotografias e ilustrações que estejam de acordo com o tema abordado no texto. No entanto, nem todo mundo está animado para gastar dinheiro quando o assunto é comprar imagens.

Sabendo-se disso, para evitar chateações ao compartilhar fotos indevidas, a seguir, você acompanhará dicas de bancos de imagens de qualidade para download. Confira!

PIXABAY:  pixabay.com

Este é o primeiro site indicado, dado que as suas imagens são uma mais linda que a outra, e possuem uma ótima resolução, além de ser um banco que possui milhares de fotos que com certeza serão úteis para o seu texto.

RGBStock: rgbstock.com

Basta fazer o registro para adquirir o download da imagem. As imagens são de alta de resolução, facilitando também a vida dos blogueiros ao permitir a utilização de filtro e categorias para encontrar a imagem perfeita para o seu texto.

Flickr: flickr.com


O Flickr permite que fotógrafos compartilhem suas fotos gratuitamente. É possível encontrar imagens com a licença Creative Commons. Um ótimo site para atualizar as fotos do seu blog.

MorgueFile: morguefile.com


Site conhecido por sua praticidade, pois, não necessita de login para download, além de possuir uma boa quantidade e qualidade de fotos. O morgueFile possui um mecanismo de acordo com os filtros e categorias.

CONCLUSÃO

Compreende-se de maneira clara a importância de uma imagem em um texto, mas, principalmente sobre o dever de cada blogueiro em procurar a licença de uso da imagem desejada.

No entanto, não só em relação as imagens, mas a tudo que está exposto na internet, pois, não deve-se copiar nada sem antes verificar se é permitido. Lembre-se sempre que os direitos autorais pertencem ao autor, e o dever é de quem cópia.

Outro fator importante é não fazer hotlink, visto que no momento você está utilizando uma imagem que não foi criada por você, sendo assim, o correto é copiar a imagem, salvar no computado, em seguida no servidor e só depois a imagem deverá ser inserida no post.

Caso aconteça de ter colado uma imagem indevida em seu texto e o autor entrar em contato, independente de como ele esteja, por exemplo, irritado ou não, entenda que o errado será você, logo, é importante tomar a decisão correta para evitar um processo judicial.

Apesar das dicas de bancos de imagens, outra alternativa favorável, são os bancos de imagens pagos.

Você pode pensar no custo que ocorrerá no final do mês, mas também deverá olhar para o lado positivo, pois, as imagens possuem resoluções enormes que podem ser usadas em qualquer blog e em qualquer artigo.

Além disso, o banco de imagens pago, evitará 100% problemas judiciais, e você não precisará importar-se em contratar um fotógrafo, pagar modelos, ter contrato para usar determinada imagem ou até mesmo para editar a foto, dentre outros.

Trabalhar com blog é também trabalhar com imagens, desse modo, é essencial ter responsabilidade e ir em busca de um banco de imagens que supra as suas necessidades ao obter fotos de alta qualidade e livre de direitos autorais.

About The Author

Dyego Borges

Especialista em Monetizar Portais via Google AdSense! Hoje compartilha para milhares de leitores como Monetizar e obter resultados acima da média. Saiba mais aqui →